Notícias


26/06/2018 - Samu esclarece, através de Ofício, seu papel nas transferências entre Unidades de Saúde do Município

O Samu Municipal enviou um ofício a gestores de unidades e de órgãos de saúde sobre o papel do órgão nas transferências entre unidades de saúde do município. De acordo com o documento, a função básica do serviço é o atendimento primário pré-hospitalar de pacientes em risco de morte e agravos à saúde de alta complexidade, ou seja, o paciente crítico, para que se tenha um atendimento imediato das urgências e emergências no território do Município, distante das suas unidades de saúde.

O documento baseia-se na Resolução CFM nº 2.110/2014 que traz a seguinte determinação: “o Samu deve priorizar sempre, os atendimentos em domicílio e logradouros públicos e não deve realizar transferências de pacientes internados, que não sejam críticos, cuja definição deve ser obrigatoriamente feita pelo médico regulador das Urgências (do Samu), conforme Portaria nº 2048/2002”. Sendo assim, o documento esclarece que o serviço de transporte em saúde, função está destinada ao transporte sanitário e às ambulâncias vinculadas aos serviços, como a ambulância da UPA”.

Assinado pelo Coordenador-Geral do Serviço , Alexander Gonçalves de Souza, o documento ainda esclarece a chamada “vaga zero”, que na regulação de urgências e emergências e da central do Susfácil é diferente, uma vez que quem determina a necessidade dessa vaga é o médico regulador do Samu, sempre pautado no suporte e preservação da vida.

Confira o Documento na íntegra.
 
OUTRAS NOTÍCIAS

Agenda Cultural do fim de semana traz diversas atrações

veja mais

Tenente-coronel Rogério passa comando do 15º BPM

veja mais

Zoonoses alerta para picadas de escorpião, mais comuns no verão

veja mais

Ceasa Regional divulga cotação de preços praticados nessa quinta-feira

veja mais

Patos de Minas recebe 285 doses da pentavalente

veja mais

Filarmônica de Patos de Minas abre seletiva para naipe de cordas

veja mais

Prefeitura de Patos de Minas adere a projeto para troca de 100% da iluminação pública

veja mais

Ações das equipes de tapa-buracos continuam sendo realizadas

veja mais


   VOLTAR